Comandos básicos para Linux – Guia de referência

Comandos linux - Lista basica

Comandos de arquivos

ls lista diretórios

ls -al lista mostrando também arquivos ocultos

cd dir muda do diretório atual para o especificado (substituir a variável dir pelo nome da pasta)

cd muda para o diretório /home (arquivos pessoais)

pwd mostra o caminho do diretório atual

mkdir dir* criar um diretório especificado (substituir a variável dir pelo nome da pasta)

rm arq apaga o arquivo especificado (substituir a variável arq pelo nome do arquivo que se quer excluir)

rm -r dir apaga o diretório especificado (substituir a variável dir pelo nome da pasta)

rm -f arq apaga o arquivo especificado forçadamente (-f de force) (substituir a variável arq pelo nome do arquivo que se quer excluir)

rm -rf dir apaga o diretório especificado forçadamente (substituir a variável dir pelo nome da pasta). Utilize esse comando com extrema atenção!

cp -r arq1 arq2 copia o “arquivo1” para o “arquivo2” (substituir a variável arq* pelo nome do arquivo)

cp -r dir1 dir2 copia o diretório1 para o diretório2; cria o diretório2 caso não exista (substituir a variável dir pelo nome do diretório)

mv arq1 arq2 dupla função: pode ser usado para renomear ou mover arquivo1 para arquivo2. Se arquivo2 for um diretório existente, move arquivo1 para dentro do diretório “arquivo2” (substituir a variável arq pelo nome do arquivo)

ln -s arq link cria um link simbólico link (atalho) para arquivo (substituir a variável arq pelo nome do arquivo e link pelo nome que terá o atalho)

touch arq cria ou atualiza o arquivo (substituir a variável arq pelo nome do arquivo)

cat > arq direciona a entrada padrão para um arquivo (substituir a variável arq pelo nome do arquivo)

more arq mostra o conteúdo de um arquivo (substituir a variável arq pelo nome do arquivo)

head arq mostra as primeiras 10 linhas de um arquivo (substituir a variável arq pelo nome do arquivo)

tail arq mostra as últimas 10 linhas de um arquivo (substituir a variável arq pelo nome do arquivo)

tail -f arq mostra o conteúdo de um arquivo enquanto ele é atualizado (aumenta de tamanho), iniciando com as últimas 10 linhas (substituir a variável arq pelo nome do arquivo)

Gerenciamento de processos

ps mostra os processos de usuário ativos em tempo real

top mostra todos os processos rodando em tempo real

kill pid mata um processo específico pelo número ID (substituir pid pelo número do processo)

killall proc mata todos os processos com o nome especificado (proc, de processos (substituirproc pelo nome do processo)

bg lista trabalhos parados ou em segundo plano ou pode continua-los também

fg traz o trabalho mais recente para o primeiro plano

fg trab traz o trabalho “trab” para o primeiro plano (substituir trab pelo nome do processo)

Gerenciamento de permissões de arquivos

chmod octal arq muda as permissões do arquivo “arq” para octal, que pode ser especificada separadamente para “usuário”, “grupo” e “outros”. Os valores em octal são representados abaixo:

  • 4 – leitura (r, de read)
  • 2 – gravação (w, de write)
  • 1 – execução (x, de execute)

Explanação: Para definir permissões, somam-se os valores acima. Por exemplo, para atribuir ao dono do arquivo (“usuário) acesso total de leitura (r), gravação (w) e execução (x), basta somar o valor octal 4 + 2 + 1 = 7. Supondo que você queira limitar o acesso para membros do “grupo”, permitindo apenas a leitura e gravação, basta somar 4 + 2 = 6. Reunindo os dois exemplos citados, ficaria: chmod 760 (r para usuário, w para grupo e 0 para outros ou “rw-“)

Outros exemplos:

chmod 777 leitura (r), gravação (w) e execução (x) para todos (“usuário”, “grupo” e “outros”)

chmod 755 “rwx” para o “dono” (usuário), “rw” para o “grupo” e “outros”

Para mais informações, digite no terminal: man chmod

SSH

ssh usuário@host conecta ao host como usuário (exemplo: ssh fulano@meuservidor)

ssh -p porta usuário@host conecta ao host na porta especificada (substituir “porta” pelo número da porta configurada)

ssh-copy-id usuário@host adiciona a sua chave para o host e usuário daquele host; serve para ativar logins sem senha com uso de chaves

Pesquisa

grep sequência arquivos pesquisa pela sequência nos arquivos (substituir a sequência e arquivos pelos valores correspondentes à pesquisa)

grep -r sequência dir pesquisa recursivamente pela sequência no diretório dir

comando | grep sequência pesquisa pela sequência na saída do comando (substituir comando esequência de acordo com os valores a serem buscados)

locate arq encontra todas as instâncias de um arquivo (substituir a variável arq pelo nome do arquivo)

Informações do sistema

date mostra a data e hora atual

cal mostra um calendário do mês atual

uptime mostra o tempo de atividade do sistema

w mostra quem está online

whoami mostra como quem você está logado

finger usuário mostra informações do usuário

uname -a mostra informações do kernels

cat /porc/cpuinfo mostra informações da CPU

cat /proc/meminfo mostra informações da memória

man comando abre o manual do comando especificado (substituir a variável comando pelo nome do comando que se quer conhecer)

df mostra o uso do disco

du mostra o uso do espaço em um diretório

free mostra o uso da memória e swap

whereis aplicação mostra possíveis localizações do aplicativo (substituir aplicação pelo nome do programa)

which aplicação mostra que aplicação irá rodar por omissão (substituir aplicação pelo nome do programa)

Compressão de arquivos

tar cf pacote.tar arqs cria um pacote TAR (nomeado pacote.tar) com os arquivos especificados (substituir a variável arqs pelo nome do arquivos)

tar xf pacote.tar extrai os arquivos de “pacote.tar” (substituir a variável pacote.tar pelo nome do arquivo)

tar czf pacote.tar.gz arqs cria um pacote TAR (nomeado pacote.tar.gz) com compressão GZip

tar xzf pacote.tar.gz extrai um pacote TAR (nomeado pacote.tar.gz) com compressão GZip

tar cjf pacote.tar.bz2 cria um pacote TAR (nomeado pacote.tar.bz2) com compressão BZip2

tar xjf pacote.tar.bz2 extrai um pacote TAR (nomeado pacote.tar.gz) com compressão BZip2

gzip arq compacta um arquivo e o renomeia para arq.gz (substituir a variável arq pelo nome do arquivo)

gzip -d arq.gz descompacta arq.gz para um arquivo (substituir a variável arq.gz pelo nome do arquivo)

Rede

ping host envia um pacote ICMP (ping) para o host e mostra o resultado (substituir a variávelhost pelo domínio de um site ou o número IP)

whois domínio retorna informações sobre o domínio (substituir a variável domínio pelo endereço de um site ou o número IP)

dig domínio retorna informações de DNS para o domínio (substituir a variável host pelo domínio de um site ou o número IP)

dig -x host mostra o retorno reverso para um host (substituir a variável host pelo domínio de um site ou o número IP)

wget arq faz o download de arquivo (arq) (substituir a variável arq pelo endereço online do arquivo)

wget -c arq continua o download interrompido de um arquivo (arq) (substituir a variável arq pelo endereço online do arquivo)

Instalação de pacotes

Instalação a partir do código fonte; os comandos devem ser digitados na sequência em um terminal, um de cada vez

./configure

make

make install

Comandos de instaladores

dpkg -i pacote.deb instala um pacote DEB (distros Debian) (substituir a variável pacote.deb pelo nome do pacote de programa)

rpm -Uvh pacote.rpm instala um pacote RPM (Distros que utilizam RPM) (substituir a variávelpacote.rpm pelo nome do pacote de programa)

Atalhos globais

Ctrl+C cancela o comando atual em funcionamento

Ctrl+Z para o comando atual, retorna com fg em primeiro plano ou bg em segundo plano

Ctrl+D faz logout da sessão atual; similar ao comando exit

Ctrl+W apaga uma palavra na linha atual

Ctrl+U apaga a linha inteira

Ctrl+R tecle para mostrar um comando recente

!! repete o último comando

exit faz logout da sessão atual

Baseado no documento da FOSSwire.com

Related Posts

Leave a Comment